Obrigado é o mínimo que devo dizer!

Obrigado é o mínimo que devo dizer!

A Gapi despediu-se hoje, dia 03 de Maio, de Ivandro Bauaze, que, ao fim de vários anos, vai interromper a sua ligação com a instituição, por razões pessoais. Pelo reconhecimento da sua dedicação e entrega, a instituição reconheceu o seu contributo e o homenageou atribuindo um galardão e um diploma de honra.

No acto, que contou com a presença de diversos colegas da Direcção, alguns colegas intervieram e teceram algumas considerações:

“Ivandro teve uma carreira ascendente. Começou como técnico, foi coordenador de projectos, Gerente de Delegação e, por fim, Director da Área de Capacitação e Consultoria Empresarial. É um exemplo de trabalhador abnegado”. – considerou Adolfo Muholove, presidente da Comissão Executiva que, finalizou dizendo, “Desejamos-lhe o melhor!”

Anabela Mucavele, Directora da Área de Suporte e membro da Comissão Executiva descatou que “um dos grandes marcos dele é a sua entrega e colaboração. Nos últimos anos, como membro da Comissão Executiva, foi brilhante. Agradecemos pela sua colaboração”.

“Acreditamos que continuarás membro da AMUTSI (família), porque bebeste da essência desta família. Vi poucos jovens com um comportamento irrepreensível como o teu. Continuamos motivados e interessados em poder contar contigo”, António Souto, conselheiro principal e dirigente da instituição na admissão de Ivandro.

“Ivandro foi um exemplo para mim, como meu chefe directo. Tem uma liderança serena e participativa. Era o equilíbrio que precisavamos e conseguia sempre manter a calma, independetemente das circunstâncias. Vamos sentir a falta dele”. – Rui Amaral, Director Adjunto da área de Capacitação e Consultoria Empresarial

Ivandro agradeceu a instituição pela oportunidade de aqui aprender e partilhar o que sabe e explicou que, “como venho dizendo nos últimos dias, obrigado é o mínimo que devo dizer. Foram muitos anos de ligação com a Gapi, que iniciaram em 2006. Quando era estudante finalista do Instituto Superior Técnico de Manica, visitava muitas vezes a delegação da Gapi em Chimoio em busca de conhecimento e inspiração. Não vou ser repetitivo e contar o meu percurso que já foi aqui descrito. Apenas direi que aprendi muito e levarei comigo uma bagagem muito recheada.

Close Menu